MADEIRA DE PINHO AMARELO

Pinus oocarpa
PT madeira de pinho amarelo
Proveniência

O pinho amarelo, também conhecido como pinho tea, pinho melis ou mobila nueva em Espanha, é uma espécie de árvore pertencente à família das coníferas e nativa do Novo Mundo, no sudoeste dos EUA. Estende-se, mais concretamente, do Texas até Virginia, além das plantações no México, na Guatemala, nas Honduras, em El Salvador ou na Nicarágua. Nos últimos anos, também se estendeu a outros países da América do Sul, África e Austrália para a exploração da sua comercialização na indústria madeireira.

 

Cor

A madeira de pinho amarelo tem um borne esbranquiçado ou amarelo-pálido, embora também possa apresentar um tom café-avermelhado. Por seu lado, o cerne diferencia-se com um tom mais alaranjado ou castanho-avermelhado. Os anéis de crescimento são visíveis e a sua cor muda em cada estação do ano, com um contraste que se destaca entre a primavera e o verão.

 

Textura

A madeira de pinho amarelo é uma madeira de fibra muito reta, qualificada como semidura ou dura.

 

Durabilidade

Ao tratar-se de um material duro, a madeira de pinho amarelo tem bastante resistência ao clima, ao desgaste e ao ataque de fungos, embora seja sensível às térmitas.

 

Características

Trata-se de um tipo de madeira utilizado em edifícios e mobiliário na zona de Levante, há já muitos anos. As portas e as janelas de edifícios antigos, bem como o mobiliário no seu interior, apresentam uma grande quantidade daquilo que é conhecido como madeira mobila vieja (referente a mobiliário antigo). Agora, utiliza-se a madeira mobila nueva (referente a mobiliário moderno), menos pesada, mais barata e de cor mais clara. A madeira do borne é impregnável e a do cerne é pouco ou nada impermeável, pelo que costuma ser utilizada na sua cor natural com vernizes adicionais.

 

Utilizações

Além dos usos convencionais semelhantes aos outros tipos de madeira de pinho, em Espanha é muito apreciada na carpintaria geral, principalmente. É uma madeira que permite um manuseamento fácil e um acabamento fino para qualquer tipo de equipamento interior ou exterior. A madeira de pinho amarelo do sul é adequada sobretudo para aplicações que possam suportar um tráfego elevado, tais como pavimentos de madeira, passagens pedonais e forjados, portas, soalhos, frisos ou molduras, além de mastros de barco.